quarta-feira, janeiro 28, 2015

Dos pilares da memória



Muitas das casas da região oeste, construídas no século passado, têm tijolos produzidos nesta antiga Fábrica de Cerâmica. Segundo a ficha informativa do imóvel (e “terrenos rústicos”), em questão, à venda por 190 mil euros, ela era composta por: “A - Fábrica com 4 pisos, fornos, casa das máquinas e secagem| B - telheiro para arrecadação de materiais| C - cozinha, refeitório, posto médico e oficina| D - central eléctrica| E - barracão para depósito de barros| F - habitação do pessoal| G - balneário e vestiário”.



A vida também é feita destas coisas - um dia foram imponentes, hoje estão decadentes. Ainda assim, vão resistindo os alicerces, como que a sustentar a ideia de que um dia, subitamente, volte tudo a erguer-se, ou um mero suporte para a memória de quem viveu aqueles tempos.












0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home