domingo, setembro 13, 2009

A "marcha da sedução" à beira de uma auto-estrada (este título é ainda melhor)

Por norma, o resultado prático deste tipo de reportagens é trazer ainda mais público curioso para estes locais. Foi exactamente o que aconteceu, há alguns anos atrás, quando o C.M. publicou um artigo semelhante sobre as "festarolas nocturnas" na Cidade Universitária, em Lisboa. Bom, mas neste caso e para quem é frequentador da zona, isto só é novidade para o "Grupo de Invisuais de Vila Fria": sim, porque, com tamanha indiscrição, só um ceguinho é que ainda não tinha percebido que há "engates gay na A5"! Lendo a reportagem, com as excepções da GNR, que, até por mero acaso, costuma fazer algumas rusgas nocturnas no local e dos responsáveis da àrea de serviço, que nem lhes deve dar jeito que o local seja muito "visitado", nem nada.
Mas, vá lá, desta vez não lhes chamaram "prostituição".

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home