quarta-feira, maio 07, 2008

O que esta empresa rende quando o Benfica não rende

A parte mais chata de um início de dia de trabalho é ter que encarar a reacção dos meus coleguinhas, que chegaram ao escritório hora e meia antes de mim, sem transparecer estar minimamente constrangido por tal facto. Diz que é assim um “mix” de ar de reprovação, inveja e cansaço - esta última parte sobretudo por terem ocupado aquela parte da manhã a ver a correspondência electrónica, que pode ir de um relatório de vendas transformado no último vídeo caseiro hardcore da Suzky-engole-tudo-até-ao-fim-Star, ou de uma apresentação em powerpoint, em que a evolução das quotas de mercado pode ser muito bem representada, em evolução, pelas fotos das novas mamas e do novo rabo da Merche Romero. Muito produtivo, e quase tão emocionante quanto esta época do Benfica, portanto.

1 Comments:

Blogger Cláudia Abreu Antunes said...

Que gargalhada!!
É isso que vem dar ênfase a um estudo (que li num jornal de economia) que diz que os portugueses são os que mais horas passam no trabalho mas...são os que menos produzem!!
Enfim, como costumo dizer (não como se a isso estive rendida): é o país que temos!

1:29 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home