terça-feira, janeiro 11, 2011

"I had the craziest dream last night about a girl who has turned into a swan, but her prince falls for the wrong girl and she kills herself..."

Há um curioso jogo de espelhos misturado com uma história de obsessão pela perfeição que recupera o melhor de "Mulholland Drive", de David Lynch... E há uma Natalie Portman - sobretudo nos últimos quinze ou vinte minutos de filme - magnífica. Confirma-se, "Black Swan" é mesmo uma obra fascinante.
Se Darren Aronofsky fosse um (bom) comercial, não precisava de vender o seu filme com críticas, por mais favoráveis que elas fossem. Bastava-lhe mostrar algumas amostras:


Sim, "Black Swan" também é um thriller erótico.

1 Comments:

Blogger O Puto said...

Estou curiosíssimo para ver este filme.

7:10 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home