sexta-feira, abril 18, 2008

A chuva

é como as lágrimas.
Em demasia, lavam a alma mas enferrujam o coração.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home