segunda-feira, abril 21, 2008

Tudo o que se deixa para trás nas circunstâncias do caminho


Tive problemas com adicções, consegui resolvê-los e hoje escolho ter qualidade de vida. Para poder viver o mundo como ele é. Foi uma escolha. Uma troca. Queria continuar a cantar, fazer coisas, ser feliz. (...)
Continuo a ter comportamentos que não são os mais adequados, a ser egoísta, a ter defeitos de carácter. Tento não prejudicar ninguém, mas ainda sou uma pessoa que se isola imenso, que passa muitas horas sozinho. Mesmo quando acompanhado - e os meus amigos sabem isso, que às vezes não estou lá. (...)
Sou um sonhador, estou sempre a imaginar coisas, mas agora vou pensando antes de agir, antes de tomar decisões. Outras tomo rapidamente, mas arrependo-me a seguir. Tenho uma consciência diferente. Passei coisas muito complicadas, andei com as coisas todas tortas, mas elas acabaram por se endireitar. Tudo isso foi importante para ter o que tenho hoje. (...)
(Camané in ípsilon, Público)
Tudo isso como o lixo da viagem
Deixei nas circunstâncias do caminho
Sai para as lojas, hoje, um dos discos portugueses mais importantes dos últimos tempos.

1 Comments:

Blogger linfoma_a-escrota said...

www.movimento-xexe.blogspot.com

WWW.MOTORATASDEMARTE.BLOGSPOT.COM

foi um prazer menino* **

11:49 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home